05.AGO

Realidade aumentada + desenho = Pokémon go!

Realidade aumentada + desenho = Pokémon go!

Desde que a Nintendo anunciou o seu lançamento o Pokémon go tem sido uma febre no mundo inteiro por meio da grande adesão nos países em que ele já chegou e motivo de aflição aos que aguardam a sua chegada. Isso porque o aplicativo uniu as lembranças de um desenho animado criado em 1995 e a tecnologia de realidade aumentada. Gratuito para smartphones Android e iOS, o jogo utiliza o sistema de GPS dos aparelhos para fazer com que os jogadores se desloquem fisicamente para capturar os Pokémons.

No Brasil o jogo começou a funcionar, após um atraso, na última quarta-feira (3), dois dias antes do início dos Jogos Olímpicos, o que matou a ansiedade de milhares de pessoas entre as quais estavam muitos atletas que chegaram ao país e não puderam caçar, capturar e treinar seus monstrinhos.

Mas, assim como qualquer produto, o aplicativo também tem mostrado os seus contras, como quedas e assaltos aos seus usuários devido à falta de atenção ao mundo real enquanto procuram os Pokémons no

mundo virtual.

Esse tipo de situação também se repetiu por aqui e mesmo com pouco tempo de uso vários estados já registraram ocorrências por conta do aplicativo, como queixas por roubo e acidentes, bem como o incômodo causado em museus, hospitais, cemitérios e outros locais e momentos inusitados, tudo pelo prazer de jogar e se tornar um mestre Pokémon.

Um comentário em “Realidade aumentada + desenho = Pokémon go!”

O que você acha sobre isso?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários

  1. Ocorrências por conta do aplicativo não, por favor, não, ocorrências por conta da falta de segurança do país…

Soluções